quarta-feira, 17 de abril de 2013

Entrevista: Psy fala sobre o sucesso de sua nova música "Gentleman"

psy-gentleman

O rapper sul-coreano Psy fez seu retorno com a nova canção Gentleman e um show exclusivo.
O concerto Happening foi realizado no sábado, 13 de abril, e antes da apresentação, o músico falou à mídia em uma coletiva de imprensa.

O empresário Scooter Braun, responsável pelas promoções internacionais do cantor, também esteve presente.

Psy falou primeiro sobre como se sentia sobre o seu retorno: “Antes de tudo, estou muit feliz e animado. A canção foi lançada na Coreia do Sul e soube que a música fez um sucesso estrondoso (nas paradas musicais de streaming) por mais de 30 vezes. Recordes como esse são alcançados apenas por artistas que se aparecem com o Big Bang, e estou feliz em ter conquistado esse feito com esse estilo.”

Como é a dança para ‘Gentleman?’
É um movimento que já foi lançado. Tirei do Brown Eyed Girls (a dança da canção Abracadabra) e a modifiquei para que ela combinasse comigo. Planejo continuar a fazer releituras de músicas da Coreia do Sul e levá-las para o exterior. Há alguns mercados que enfatizam pontos específicos da dança como o da Coreia do Sul, e planejo levar essas danças do K-Pop para o exterior, para que o mercado externo passe a olhar para os donos originais das danças. Na próxima vez vou pegar canções da Coreia e reinterpretá-las. Planejo continuar a levar boas coisas da Coreia e fazer com que o público estrangeiro se interesse por ela.”

O traje do concerto foi branco.
Pode parecer imaturo, mas tirei a ideia do (como os coreanos eram chamados) ‘país do colar branco’. (risos) Achei que a cor permitiria que as luzes refletissem no público. Estrangeiros pareciam estar maravilhados em como os públicos se uniam em um movimento durante concertos. Estabeleci o traje do evento para enfatizar como o público canta e dança, e acredito que branco seria a melhor cor.

O que você acha de Gentleman?
Eu sabia que ela seria amada por uns e odiada por outros. Senti-me honrado e agradecido com o fato da imprensa e da mídia estrangeira cobrirem a história de um cantor coreano lançando uma música. Eu realmente acho, porém, que é um pouco demais. Pensava que deveria melhorar minha música e me tornar mais legal. Pensei o quanto ‘mother father gentleman’ soaria errado ou se alguns versos soariam bregas, mas achei que era o momento de continuar com o jeito Psy mais do que nunca. Uma das duas canções (tive que escolher como faixa promocional) era de bastante sofisticada, mas escolhi a que soava mais brega para manter minha atitude original. (risos)”

O público nas redes sociais tem perguntado o que significa ‘mother father gentleman’.
Depende de como se ouve e se pensa sobre isso. Há um verso que diz alangamola (Eu não sei se você sabe), e segue o estilo de Gangnam Style, que é uma palavra que todos usam. Tentei encontrar uma palavra assim que seria fácil para as pessoas cantarem junto, e cheguei a alangamola. É verdade que refleti bastante sobre isso. Tentei encontrar uma frase que fosse fácil de pronunciar como Gangnam Style e encontrei ‘mother father gentleman’.”
psy-gentleman-2

Você se apresentou centenas de vezes. Ainda se sente nervoso?
Eu me apresentei em um show um dia antes de viajar para o exterior. Nada mudou. Tudo que faço termina em show. É claro, me sinto mais pressionado. Sempre me importo mais pelo público no local, e vou investir em um show que pareça melhor aos olhos das 50 mil pessoas reunidas aqui hoje. Isso é muito importante porque é o meu primeiro show desde The Soaked Show, realizado após Gangnam Style se tornar sucesso. É também o a apresentação da minha nova música.

Dizem por aí que as pessoas no exterior acham que você é um comediante.
Até as pessoas na Coreia pensam assim sobre mim. Eu não me importo se sou considerado cantor ou comediante. Alguns dizem que esse será o meu fim, mas acredito que sou do público, e pertenço ao público. É por isso que sou grato mesmo que achem que sou humorista, e sou grato se eles me consideram cantor ou músico. Eu só faço o que tenho que fazer, e estou revigorado pela alegria e prazer que ganho com isso. Não me importo com o que pareça ser.

Por que você decidiu trabalhar com Yoo GunHyung novamente, como fez para Gangnam Style?
Tenho trabalhado com ele desde Entertainment, em 2006. Não tenho uma resposta sobre o motivo de trabalhar com ele. Nós simplesmente trabalhamos juntos.

Você deve estar dividido entre a música que quer e a música que o público quer.
O que quero fazer é escrever a música que o público quer. Se você me perguntar quando sou mais feliz, é quando outra pessoa está feliz. Gosto de músicas que os outros ouvem e gostam. Para ser sincero, olhando pelo lado bom, sou um compositor que se importa muito com o gosto do público, e sob uma perspectiva negativa, sou um compositor que tenta estudar o público muito de perto.”
psy-gentleman-3

Alguns previram que a sua popularidade chegaria ao fim com Gangnam Style, mas você ainda está forte. Sua nova música é bastante popular. Você acredita que ela vai fazer de você uma estrela global novamente?
A parte mais divertida do meu trabalho é não poder prever o que vai acontecer. Dizem que nunca se sabe o que realmente acontece, mas minha música tem batido um recode de 30 vezes no meu país natal. Há os que gostam e os que não gostam, mas estou feliz em estar me saindo bem em números. Mesmo se não for bem-sucedido no exterior, não acredito que isso me faz um cantor de um sucesso só. Sou cantor há 12 anos, e aconteceu de me encontrar com os fãs estrangeiros. Serei feliz se esse elo durar, mas não estou criando expectativas osbre isso. Vou apenas mostrar a eles o meu estilo, como me sinto. Se combinar com o gosto deles então o laço vai continuar, caso não, não vai durar. É disso que se trata o meu trabalho.”

FonteEnews
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...