quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Especial: Entrevista Exclusiva com Alexandra Stan


Alexandra Stan é romena, tem 22 anos e há algum tempo que nos anda a dar música. A verdade é que nós gostámos e "Mr. Saxobeat" entrou de rompante na cena musical um pouco por todo o Mundo e, necessariamente, em Portugal. 
Com a curiosidade afinada, procuramos contactar a Alexandra que se mostrou de imediato disponível para falar em exclusivo e em estreia para o público português. Bem disposta, a mulher que tem deixado muitos homens a esfregar a cabeça contou-nos um pouco de si e da sua carreira meteórica. Numa entrevista marcada pela simpatia e encanto, Alexandra ficou ainda mais convencida que uma visita a Portugal não pode tardar.


Confiram a entrevista de Duarte Monteiro a Alexandra Stan:

Duarte Infotainment: Ainda há poucos meses eras "apenas" uma estudante de gestão no teu país, na Roménia, e agora já podes ser considerada uma superestrela na Europa. Como é que estás a interiorizar tudo isso? 
 Alexandra Stan: De início dei comigo muitas vezes a pensar "WOW... Não acredito nisto. Será que é mesmo realidade?" Mas agora começo a habituar-me à ideia. E a verdade é que é uma sensação incrível ser tão apreciada e ter tantos fãs espalhados pelo Mundo. Estou muito agradecida por tudo o que me tem acontecido e estou igualmente orgulhosa por estar a viver o meu sonho. 

DI: O teu enorme sucesso um pouco por todo o Mundo e, obviamente aqui em Portugal, surgiu com a música "Mr. Saxobeat". Na tua opinião, o que é que torna a canção assim tão especial? 
AS: Eu penso que a "Mr. Saxobeat" trouxe uma nova sonoridade à música internacional. É um facto que o videoclip conta uma história original, mas o que faz a diferença é mesmo o som. 

DI: Quais são as tuas maiores influências a nível musical? A tua nova música "Get Back" também apresenta uma sonoridade semelhante à de "Mr. Saxobeat". Podemos dizer que é esse o teu estilo ou iremos ouvir a Alexandra Stan noutros registos?
AS: É um facto que o meu novo single "Get Back" segue a linha do primeiro mas o álbum no seu todo será diversificado e poderão ouvir-me em diferentes registos. Mas eu gosto do tipo de música que canto e acho que me assenta muito bem. 



DI: Abordaste a questão do teu primeiro álbum, que será lançado em Setembro. Conta-nos um pouco do processo que foi gravá-lo e do tempo que passaste no estúdio. 
AS: Olha, o tempo que passei a gravar com a minha equipa de produção, a MAAN STUDIO, foi o melhor tempo da minha vida! Adorei trabalhar com eles e diverti-me imenso. Foi uma experiência única e maravilhosa e estou extremamente ansiosa pelo lançamento. Espero que os meus fãs gostem. 

DI: Falemos agora um pouco sobre a Alexandra, a pessoa. Tens apenas 22 anos. O que é que gostas de fazer quando estás livre de trabalho? 
AS: Para começar, sou uma alma sensível e uma pessoa alegre e faço coisas perfeitamente normais, porque afinal para a minha família e para os meus amigos continuo a ser uma pessoa perfeitamente normal. Adoro ir à praia com amigos, nadar e claro, sair com as minhas "raparigas". Na verdade, estou ansiosa por ter alguns dias de férias para poder passar algum tempo com a minha família, de quem tenho imensas saudades. E se há coisa de que eu gosto mesmo, são de pequenas saídas, como ir ao cinema com os amigos. Relaxa-me imenso. 



DI: Tenho que te perguntar isto. Li numa entrevista tua que não gostas dos homens franceses. E dos portugueses? 
AS: Olha, nunca estive em Portugal mas espero sinceramente visitar o vosso maravilhoso país um dia destes. Daquilo que ouvi falar, parece-me que a vossa culinária é óptima. Já sobre os homens portugueses... não sei muito bem o que dizer. Mas se forem todos como tu, vou gostar deles seguramente. (Risos) 

DI: Agora sou eu que não sei o que dizer... É melhor avançar. Sabes mais coisas sobre Portugal? 
AS: Sei algumas. Sei que é um país com uma grande história e uma cultura maravilhosa, que conjuga muito bem o antigo com o moderno. E claro, tem imensas praias! E eu adoro o vinho do Porto. Tenho mesmo que visitar Portugal. 

DI: Para terminar a nossa conversa. Qual é a tua música preferida, o teu filme e o teu livro preferidos? 
AS: Quanto à música, é-me difícil dizer porque adoro música no geral. Mas uma canção que me vem à cabeça agora é a "Love Lockdown" do Kanye West. Desafio-te a ouvi-la mais do que uma vez e não tardará a ficar-te gravada no inconsciente. Já o meu filme preferido é definitivamente o "Dirty Dancing", o primeiro, com o Patrick Swayze. Adoro a história de amor entre adolescente, tão forte mas ao mesmo tempo muito pura, e gosto muito da banda sonora. Infelizmente não tenho tido tempo para ler, porque estou sempre ocupada. Mas último que li foi o "Why Do We Love Women?", da Mircea Cartarescu, uma escritora romena. 

Fonte: LateCinema
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...